África do Sul: Johannesburgo e arredores

Partilha esse post

Lyon Park (2015)

Pensando em ir à África do Sul? Coloque em seus planos Johannesburgo e seus arredores, com certeza será uma experiência belíssima. A região é muito bonita, com vegetação em toda parte, casas bonitas e muitas atrações para conhecer.
Veja o nosso TOP 5:

5º lugar: SOWETO, região periférica de Johannesburgo, com mais de 5 milhões de habitantes. Tem importância histórica e social, uma vez que Nelson Mandela, o primeiro presidente negro da África do Sul, viveu ali por muitos anos. Quem visita a região não pode deixar de conhecer o Museu Casa Nelson Mandela (Mandela’s House). Os outros pontos turísticos são Orlando Stadium, um dos estádios usados na Copa do Mundo de Futebol em 2010, e Orlando Towers, onde, inclusive, pode-se pular de bungee jump.

"Orlando Towers" en Soweto (Johannesburgo, 2015)
“Orlando Towers” em Soweto (Johannesburgo, 2015)


4º lugar: LION PARK (ou Parque dos Leões), um lugar bacana para passear com a família (as crianças, com certeza, ficarão encantadas) e ver de perto animais selvagens, conhecidos nossos pelo desenho O Rei Leão. 

Lyon Park (2015)

Prepare sua câmera fotográfica, principalmente se ela tiver um bom zoom, para tirar fotos de leões (inclusive o raro leão branco), leopardos, girafas, zebras, hienas, entre outros. 

Lion Park (2015)


Além de passear dentro de um carro completamente fechado para ver esses animais, é também possível acariciar uma girafa e um filhote de leão. Com certeza, uma experiência para a vida toda!

Experiência de alimentar uma girafa, no Lion Park (2015)


3º lugar: APARTHEID MUSEUM (Museu Apartheid), espaço dedicado a recordar o movimento de segregação de negros e brancos que ocorreu no país e a luta das pessoas para mudar essa história.

Museu do Apartheid (2015)


2º lugar: CRADLE OF HUMANKIND (ou Berço da Humanidade) é um espaço que vale muito a pena conhecer ao visitar Johannesburgo, porque nos remete a milhões de anos atrás e nos faz refletir sobre o caminho dos seres humanos desde o seu surgimento, além de confirmar que todos nós somos iguais, que a diferença de raça, gênero ou nacionalidade muda pouquíssimo quando se pensa na estrutura orgânica de nossa espécie (99,9% do DNA de todo ser humano é igual).
Estando em Cradle of Humankind há dois lugares que se fazem obrigatórios conhecer: um deles é o Museu Maropeng, muito bem estruturado e com informações riquíssimas acerca da formação do universo e sobre os seres humanos, passando pelos nossos antepassados e chegando até nossa atualidade, com nossas conquistas e também nossos problemas.

Museu Maropeng, em Cradle of Humankind (2015)

A outra parte é Sterkfontein, que abrange um pequeno museu e um tour guiado a uma caverna, local onde foi encontrado o esqueleto humano completo mais antigo.
A entrada para as duas atrações é 215 rands (pouco mais de 50 reais, na cotação de abril de 2015).

Grupo entrando na caverna Sterkfontein (2015)


1º lugar: SAFÁRI em Pilanesberg: em uma área de mais ou menos 55.000 hectares de savana onde o turista adentra com o carro para ver animais em seu habitat. O lugar é bastante bonito e é possível passar horas e horas olhando entre as folhagens e rochas em busca de um animal.

Parque Nacional de Pilanesberg (2015)

Quem tiver sorte encontrará leões, elefantes, leopardos, búfalos e rinocerontes. Os mais comuns de serem vistos são girafas, zebras, impalas, hipopótamos, hienas, diversos tipos de pássaros, entre outros animais.

Parque Nacional de Pilanesberg (2015)


A melhor época para visitar o parque é no inverno, pois não chove e há menos visitantes.

Safari no Parque Nacional de Pilanesberg (2015)

Veja uma luta entre elefantes capturada no Parque Nacional de Pilanesberg.

 

Na volta de Pilanesberg, dê uma passada no Chameleon Village e aproveite para comprar souvenires: a quantidade de produtos ali disponíveis é imensa e os preços são bons. Mas lembre-se que na África do Sul é possível negociar sempre por preços mais baixos.

* Veja mais imagens do safári aqui.

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*